^ Back to Top

Agentes da Guarda Municipal de 25 cidades do Rio e de outros estados participaram nessa quarta-feira (2/12) de uma audiência pública em Silva Jardim, para discutir, dentre outros assuntos, as atribuições das guardas municipais na Segurança Pública.

Durante a reunião, foram ministradas duas palestras. Uma delas foi feita pelo guarda municipal de São Paulo, Eliel Miranda, que falou sobre as atribuições das guardas municipais, de acordo com a Lei nº 13.022/2014, que é o Estatuto Geral das Guardas Municipais.

Em entrevista à nossa reportagem, o guarda municipal destacou a importância da participação dos moradores locais. “A população, a partir do momento em que entende a nossa função, passa a nos ajudar, e aí sim, nós passamos a contar com um colaborador muito forte, que é o povo”, disse o paulista, guarda municipal da cidade de Santa Bárbara d’Oeste.

A segunda palestra foi apresentada pelo comandante do 25º Batalhão de Polícia Militar (BPM) da região dos lagos, tenente coronel Ruy França, que falou, além de outros tópicos, as medidas que foram tomadas para reduzir os índices de criminalidade na região dos lagos. O tenente coronel ainda revelou que é a favor do porte de armas de fogo por guardas municipais.

Confesso que já fui contra, assim como muitos colegas de farda ainda são. Mas hoje sou a favor, desde que tenha capacitação e treinamentos, para que eles [os guardas municipais] possam usar adequadamente a arma de fogo”, expressou Ruy França durante o seu discurso.

O secretário municipal de Segurança Pública, Dênis Pessanha, disse que o evento foi uma maneira de esclarecer à população sobre as atribuições das guardas municipais, e importante para a adequação à Lei nº 13.022/2014. “É uma forma de esclarecer e motivar os agentes de Segurança Pública. Tenho certeza que será um divisor de águas na Guarda Municipal de Silva Jardim. [...] Todos estão de parabéns e quem ganha é a população”, finalizou Dênis.

O prefeito da cidade, Anderson Alexandre, também participou do encontro, parabenizou a iniciativa e agradeceu aos moradores. “É uma tarde muito esclarecedora, e uma oportunidade de tirar algumas dúvidas sobre a atuação da Guarda Municipal, que às vezes, varia de um município para outro”, discursou Alexandre.

Após as apresentações, os espectadores puderam fazer perguntas, esclarecer dúvidas com os palestrantes e debaterem sobre alguns assuntos pertinentes. Cerca de 200 pessoas participaram do encontro, que foi realizado em uma igreja evangélica, no Centro de Silva Jardim.

 

(Fotos e reportagem: Lucas Madureira)

Prefeitura Municipal de Silva Jardim - CNPJ: 28.741.098/0001-57 - Tels:(22) 2668-1125/2668-1430/2668-2000 - Rua Luiz Gomes, 46, Centro - Silva Jardim/RJ - CEP: 28820-000