Os dados estatísticos do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do Ministério do Trabalho aponta Silva Jardim entre os 25 municípios do Estado do Rio de Janeiro que mais geraram postos de trabalho formais de 2013 a 2015.

De janeiro de 2013 a dezembro de 2015 o país perdeu 742 mil postos de trabalho, 10% deste total foram só no Estado do Rio que perdeu mais de 80 mil empregos formais. Dos 92 municípios fluminenses pouco mais da metade tiveram saldo positivo na geração de empregos, como é o caso de Silva Jardim que no período gerou 183 novos postos de trabalho ficando à frente de municípios importantes como Rio de Janeiro (que perdeu mais de 33 mil postos de trabalho), Itaborai (perda de 13 mil) e Macaé (perda de 7 mil postos de trabalho).

Uma das iniciativas que fortaleceram a geração de empregos positivamente em Silva Jardim foi a implantação do transporte de tarifa zero que faz com que moradores economizem com transporte e invista essa economia no comércio local que por sua vez acaba por contratar mais funcionários.

Os municípios que mais geraram postos de trabalho de 2013 a 2015 foram Nova Iguaçu (3 mil postos de trabalho), Cabo Frio (1,1 mil postos de trabalho) e Três Rios (1 mil postos de trabalho), Silva Jardim ficou na posição 24º no ranking de municípios que mais geraram postos de trabalho no Estado.

O relatório completo dos dados podem ser conferidos no link abaixo:
www.silvajardim.rj.gov.br/…/…/geracao_empregos_2013a2015.rar