O vice-prefeito de Silva Jardim, Tião Rocha, esteve no último dia (8/11) em Brasília, para solicitar ajustes no projeto de duplicação da rodovia BR-101, no trecho que corta o município. O vice-prefeito pediu ainda a liberação do pagamento de convênios do governo federal com o município.

Durante a reunião que aconteceu na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), na capital federal, Tião pediu adequações no projeto de duplicação da BR-101, na altura dos bairros Caxito, Lucilândia, Boqueirão e cobrou agilidade no andamento das obras, próximo ao acesso a Bananeiras.

“No Caxito, foi identificado que a forma prevista para a travessia de pedestres pode colocar em risco a vida de quem precisa cruzar a pista. A ANTT informou que vai estudar as nossas solicitações e avaliar os possíveis ajustes no projeto”, afirmou o vice-prefeito.

No trecho entre os bairros Lucilândia e Boqueirão, Tião solicitou adequações que possam beneficiar a Zona Especial de Negócios (Zen), localizada próxima ao Centro Educacional Adail Maria Tinoco.

 

Ainda em Brasília, Tião e a subsecretária de Desenvolvimento Sustentável e Solidário, da secretaria municipal de Planejamento, Dayse Said Barros, também pleitearam emendas parlamentares para o ano que vem.