Será aberto na próxima segunda-feira (29) e segue até o dia 18 de março, o prazo para que servidores públicos municipais efetivos (ativos e inativos) e pensionistas compareçam a um posto de atendimento do Instituto de Previdência de Silva Jardim (IPSJ) para a atualização de dados cadastrais.

De acordo com o instituto, os servidores públicos municipais efetivos (ativos e inativos) e pensionistas, deverão comparecer ao posto de atendimento do IPSJ, localizado no CEPM Professor Vera Lúcia Pereira Coelho, no Centro da cidade, de segunda a sexta-feira, entre 8h às 17h.

Segundo o IPSJ, o objetivo da convocação é atualizar a base de dados do instituto. “Como consequência garantir tranquilidade na concessão dos benefícios previdenciários aos servidores e seus respectivos dependentes”, afirmou o IPSJ em nota oficial.

Ainda conforme o IPSJ, os servidores públicos municipais efetivos (ativos e inativos) e pensionistas que não efetuarem o recadastramento dentro do prazo informado, terão seus pagamentos suspensos até a regularização cadastral.

Para a efetivação do cadastro, será obrigatória a presença dos servidores no posto de atendimento informado, portando as seguintes documentações:

SERVIDORES EFETIVOS

1.    Cadastro de Pessoas Físicas – CPF;

2.    Documento de identificação (RG, Passaporte, Carteira Nacional de Habilitação, Registro de Conselho Profissional ou assemelhado na forma da lei);

3.    Comprovante de Residência atualizado (documento que conste o endereço detalhado e completo, emitido em, pelo menos, 90 (noventa) dias);

4.    Certidão de Casamento ou Escritura Pública de União Estável ou Declaração de Convivência Marital;

5.    Documentos pessoais do cônjuge (RG e CPF);

6.    CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social); se houver.

7.    PIS e/ou PASEP

8.    Título de Eleitor;

9.    Extrato Previdenciário do INSS (CNIS – Cadastro Nacional de Informação Social);

10. Contracheque referente ao mês anterior ao Censo Previdenciário;

11. Certidão de tempo de contribuição, emitido ou homologado pelo órgão previdenciário de outros entes federativos (união, estados e municípios), se houver o documento.

SERVIDORES INATIVOS E PENSIONISTAS

1.    Cadastro de Pessoas Físicas – CPF;

2.    Documento de identificação (RG, Passaporte, Carteira Nacional de Habilitação, Registro de Conselho Profissional ou assemelhado na forma da lei);

3.    Comprovante de Residência atualizado (documento que conste o endereço detalhado e completo, emitido em, pelo menos, 90 (noventa) dias);

4.    Certidão de Casamento ou Escritura Pública de União Estável ou Declaração de Convivência Marital;

5.    Documentos pessoais do cônjuge (RG e CPF);

6.    Contracheque referente ao mês anterior ao Recadastramento - Censo Previdenciário;

DEPENDENTES

1.    Cadastro de Pessoas Físicas – CPF (exigido para todas as idades);

2.    Documento de identificação (RG, Passaporte, Carteira Nacional de Habilitação, Registro de Conselho Profissional ou assemelhado na forma da lei). Para dependente menor de 18 anos que não possuir documento de identificação, será aceito a Certidão de Nascimento como prova de dependência;

3.    Termo de cautela, termo de tutela ou de guarda definitiva, nos casos necessários.

Observação: Esposo(a), companheiro(a) são dependentes previdenciários, para tanto, é obrigatório apresentar documento de identificação com foto e CPF como descrito acima (aceita-se cópia legível autenticada).