Representantes da Prefeitura de Silva Jardim estiveram reunidos na manhã do dia 11/05 com a presidência da Agência Estadual de Fomento (Agerio). A reunião teve como tema a busca de uma parceria para obtenção de um fundo garantidor para implantação de sistema de energia solar para os prédios públicos municipais, o que geraria economia aos cofres públicos. Outra questão levantada na reunião foi as formas de financiamento para implantação da Zona Especial de Negócios (Zen) em Silva Jardim.

Sobre o apoio como fundo garantidor, o presidente da Agerio, Domingos Vargas, informou que não existia esta possibilidade pois a Agerio funciona como uma opção de financiadora e não como um fundo garantidor de crédito. Já em relação sobre a questão da implantação da Zen, o Vice-Prefeito de Silva Jardim Tião Rocha perguntou a Superintendente de Operações com o Setor Público, Ivoneide Veríssimo, se a agência financiaria uma desapropriação de área para implantação da Zen. A superintendente informou que a Agerio não financia desapropriação, mas sim investimentos que forem necessários para infraestrutura de área já desapropriada.

A superintendente da Agerio frisou ainda que para obter financiamento o município precisaria atender alguns aspectos como estar regular com suas obrigações fiscais e passar por uma análise técnica. Ela ainda informou que é muito importante o município procurar a Agerio em busca de parceria, e lembrou que esta era a primeira vez que Silva Jardim tentou um contato com a Agerio.

A reunião aconteceu na sede da agência que fica na Avenida Rio Branco, no Centro da cidade do Rio de Janeiro/RJ e contou ainda com a participação do Secretário de Governo, Mansuel Mansur; o Secretário de Meio Ambiente, Helan Abreu; o representante do Conleste, Mauro Paes; o presidente do Instituto Rios Verdes, Evaldo Coelho; e o Subsecretário de Comunicação Social, Sormani Silva.